Últimas Gatas

Viviane Araújo: Revista Mensh

Beleza, samba no pé, determinação e uma autenticidade que conquista de cara. Basicamente isso talvez resuma bem nossa estrelíssima Viviane Araújo. Um caso de unanimidade nacional, Vivi é uma vencedora inquestionável. Venceu barreira de ser apenas um corpo bonito, conquistou a Sapucaí há mais de 10 anos e ainda se firmou como atriz de respeito na TV e teatro. Como não amar Vivi? Como bem resume ela ao final dessa entrevista: “Vi, vim, vim de novo, vim mais uma vez, e outra, e outra, e….VENCI! E ainda tenho muito mais pra lutar e conseguir!”. Não temos dúvida disso! Que venham os novos passos da nossa estrela!

Vivi já vai mais de uma década de sucesso no Carnaval e de público. Explica pra gente qual o segredo disso? Na verdade são mais de duas décadas (risos)… Não tem segredo, é só muito amor muita entrega, muito comprometimento e verdade no que eu faço!

Quando descobriu a dança e quando despertou que ela seria seu trampolim para uma carreira de sucesso? Sempre gostei de dançar desde pequena. Já na adolescência até época de faculdade participava de grupos de dança (jazz) e eu não me dei conta que isso pudesse me levar até o sucesso. Mas foi através da minha paixão pelo samba que entrei pro Carnaval em 1995 e daí então que as coisas foram acontecendo na minha vida.

Ao longo da carreira, muitas fotos nuas, personagens como uma pegada mais sexy e fantasias sensuais no carnaval criaram uma imagem de uma mulher com sex appeal. Esse estereótipo te incomodou em algum momento? Nunca me incomodou e até hoje não me incomoda não. Porém, eu optei por não ser só isso: um corpo! Queria ser mais e fui em busca de ser reconhecida como atriz.

Ensaio - 5 Fotos